Entrevista com o autor: Tati Machado #LeiaMaisNacional

Olá leitores, tudo bem?
Sentiram minha falta? Então espero que sim haha, bom eu fiquei um tempinho longe, por alguns motivos, mas, estou de volta e com mais uma entrevista, hoje com a autora Tati Machado. Espero que gostem. O livro dela está no wattpad, vou deixar a sinopse. Farei resenha dele em breve!!

Sinopse

Catherine tem 17 anos e acabou de terminar o ensino médio. Filha de uma família muito tradicional, adora livros e música, e passa boa parte do seu tempo livre na sua cama, explorando lugares através das palavras. Essa é a única forma que conhece outros lugares, já que odeia aviões. Suas férias parecem que serão as mesmas, até que seus pais recebem uma ligação de seu irmão adotivo, que morou toda a vida em Londres e mal a conhece, dizendo que está voltando para casa. Cath não espera pelo encontro iminente com esse garoto que se lembra tão pouco que aparenta mais ser um sonho... Mas tudo muda com a chegada de Matthew. O menino emburrado que ela recordava desapareceu e deu lugar a um garoto extremamente atraente, mas que parece que não suporta nem ao menos olhar para ela.
Como Cath poderá lidar com um estranho para si, dentro da própria casa? Porque Matt resolveu voltar depois de tanto tempo? O que será que pode acontecer nesse convívio tão estranho?

Entre nós e paredes nos faz repensar o certo e o errado, e nos guia através de um romance cheio de brigas, intrigas e declarações apaixonantes.



1- Qual é a sua inspiração na hora de escrever?
     Antes de qualquer coisa, eu sou uma romântica incorrigível. Adoro um final feliz, sempre fui muito encantada com os clássicos da Disney... Enfim, já deu pra entender, né? Hahaha Acredito que minha inspiração venha daí.

2- Quais são seu autores favoritos? 
     Eu gosto de muita coisa. Meu noivo costuma dizer que temos uma biblioteca em casa. É bem difícil escolher os favoritos, mas posso citar a Carina Rissi, Jane Austen e Cora Camark.

3- O que você acha de seus leitores? 
     No começo, eu fui mega tímida com eles, quase não interagia. Mas aí criamos um grupo no whatsapp e descobri um monde de gente fofa, linda e carinhosa lá. Sério, adoro aquelas pessoas.

4- Qual foi o livro que te fez entrar no mundo da leitura?
     Eu não sei. Eu sempre tive influência à leitura muito forte em casa, desde pequena. Então, era coisa de ter minha mãe num sofá lendo, meu pai em outro lendo, e eu bebezinha no chão com aqueles livros emborrachados e divertidos pra criança.

5- Cite três escritores nacionais e três internacionais que você admira. Que livro e autor você acha que todos deveriam ler pelo menos uma vez na vida?
     Nacionais: Carina Rissi (de novo, amo essa mulher, sério.), Bianca Briones e Babi Dewet.
     Internacionais: J.K. Rowling, Kiera Cass, George R.R. Martin (não sei como essa pessoa consegue matar tanta gente. Definitivamente, não sei fazer isso.)
     Um livro que todo mundo deveria ler: Will & Will - John Green e David Levithan. Nossa, como me maravilhei com esse livro.

6- Você tem inspiração ou ajuda de outros autores para escrever?
     Para Entre nós e paredes eu fiz tudo. Estou revisando a história agora e é capaz de entrarem algumas cenas extras, mas nada é certo. Eu pretendo registrá-lo e mandar para algumas editoras, mas ainda não tive tempo. Pra nova história que comecei, contei com ajuda do pessoal do grupo e, agora, da linda da Carol Dias. Além de ótima escritora, é uma pessoa fofíssima. ♥

7- Você já se inspirou em alguma música ou banda para escrever?
     Eu escuto muita música. Não me inspirei necessariamente em uma, mas costumo colocar músicas que combinem com o momento que tô escrevendo. Em Entre nós e paredes, usei algumas músicas de bandas que gosto, mas as músicas falavam sobre a história, por isso as coloquei.

8-Você teve alguma dificuldade para publicar seu livro?
     Tive um bloqueio criativo forte. Passei uns dois ou três meses sem publicar por isso. Foi nesse momento que meus leitores foram tão importantes, eles me deram muita força pra continuar escrevendo. Fiquei muito feliz de concluir a história. (meu noivo me dava uns puxões de orelha também, hahaha)

9-Como você lida com comentários negativos sobre seus livros?
     Tento considerar sempre o lado do leitor. Boa parte dos comentários negativos eram relativos a demora das postagens, mas eu realmente fazia o possível pra não demorar. Teve uma semana que publiquei três capítulos em três dias, hahaha

10- Se eu fosse para uma ilha deserta eu levaria.....
     Meu noivo, meu computador e o modem da internet. HAHAHA

11- Você já se inspirou em outros autores para escrever?
     Quando leio (e eu leio muito), tento absorver o melhor de cada autor. O jeito de contar a história, de descrever os acontecimentos... Tento fazer com que o melhor deles, ou pelo menos o que eu considero mais interessante, seja passado pra minha escrita, mas mantendo a minha personalidade de escrita

12- Qual o seu livro preferido na atualidade?
     Perdida, da Carina Rissi. Todos dela, pra ser sincera.

13- Qual seu maior sonho como escritora?
     Quero poder fazer o que eu gosto. E eu gosto de escrever, assim como eu também adoro cozinhar, tatuar, fotografar, desenhar...

14-Como é a sensação de saber que as pessoas leem seu livro? E postam foto nas redes sociais e comentam sobre ele com os amigos e familiares?
     Às vezes é muito surreal, sabe? Eu nunca tive uma ideia mais real disso até começarem a pipocar os comentários no wattpad. É incrível.

15-O que te inspirou, qual foi a sua experiência ao escrever o livroEntre nós e paredes?
     A história veio pra mim. Um belo dia, eu estava em casa lendo e meu noivo me questionou: "Amor, você lê tanta coisa... Por que você não escreve?" A verdade é que já tinha me pego pensando na história diversas vezes, mas nunca tinha me deixado colocá-la em palavras. Esse foi só o empurrão. No mesmo dia, já tinha começado a esboçar os pensamentos de Cath num rascunho.

Muito obrigada novamente Tati Machado, você deseja falar mais alguma coisa para os leitores do Estante da Thayná?
       Agradeço o espaço. Espero de verdade que vocês gostem da história de Cath e Matt. Obrigada pela oportunidade e espero que a gente se esbarre por aí mais vezes. Beijo grande!

Ping-Pong:
Comida preferida: ​ Lasanha!
Estilo de roupa: ​ A que for mais confortável!
Livro favorito: ​ ​Posso dizer todos?
Personagem literário que não sei do seu coração: ​ Luna, de No mundo da Luna
Complete a frase: Homem bom é homem... inteligente e interessante!


Espero que tenham gostado, e não se esqueçam de ler nossas outras entrevistas.


2 comentários:

  1. Adorei seu blog e a entrevista haha
    COMO LIDAR COM PESSOAS QUE TAMBEM SÃO FÃS DA J.K <3

    http://meioquetipoassim.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Amo essa mulher!! Agradeço a visita.

    ResponderExcluir